Notícias

Indústria: sobe intenção de investir

10 de junho de 2016

Indicador da Fundação Getulio Vargas avançou de 81,9 pontos no primeiro trimestre deste ano para 82,5 pontos no segundo.

Rio de Janeiro - Após atingir o menor nível de série histórica no primeiro trimestre deste ano (81,9 pontos), o Indicador de Intenção de Investimentos da Indústria subiu 0,6 ponto no segundo trimestre, comparativamente ao trimestre imediatamente anterior, indo a 82,5 pontos.

Os dados do Indicador de Intenção de Investimentos fazem parte da pesquisa Sondagem de Investimentos e foram divulgados nesta sexta-feira (10) pelo Instituto Brasileiro de Economia, da Fundação Getulio Vargas (FGV). Eles medem a disseminação do ímpeto de investimento entre as empresas industriais, colaborando para antecipar tendências econômicas.

Na avaliação do superintendente adjunto para Ciclos Econômicos da FGV, Aloisio Campelo Jr., o resultado sugere que as taxas de intenção de investimentos já ultrapassam o seu pior momento. Para ele, “embora discreta”, esta primeira alta do indicador desde o terceiro trimestre de 2013, é “uma boa notícia”.