Notícias

Brasil participa da Sial Oriente Médio

26 de outubro de 2017

Feira da indústria alimentícia ocorre de 12 a 14 de dezembro em Abu Dhabi. Empresas brasileiras podem se inscrever até o dia 29 de outubro. Câmara Árabe apoia a iniciativa.

São Paulo – O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e o Itamaraty vão promover a participação do Brasil na Sial Oriente Médio, feira da indústria alimentícia que será realizada de 12 a 14 de dezembro em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. A iniciativa tem apoio da Câmara de Comércio Árabe Brasileira e da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

O pavilhão do País terá 108 metros quadrados e empresas nacionais interessadas em participar podem se inscrever até 29 de outubro. Segundo o diretor do Departamento de Promoção Internacional do Agronegócio do Mapa, Evaldo da Silva Júnior, a ideia é que cerca de dez empresas participem como expositores fixos e outras quinze como participantes rotativos, ou seja, que usem o estande como ponto de apoio para reuniões com clientes e outros compromissos.

“Nós fizemos isso na Fruit Atracction e com este modelo conseguimos atender mais gente”, disse Silva, referindo-se à Feira Internacional do Setor de Frutas e Hortaliças realizada este mês na Espanha, onde o pavilhão brasileiro seguiu o sistema de expositores fixos e rotativos.

O Brasil já tem participação significativa em outra feira de alimentos nos Emirados, a Gulfood, realizada em fevereiro em Dubai. O objetivo com a Sial é oferecer às empresas mais uma oportunidade de explorar um mercado altamente importador de produtos alimentícios, além de estar presente num evento que tem uma marca forte. Além do país árabe, a Sial tem edições na China, Indonésia, Canadá e na França, sendo que a última é uma das maiores e mais tradicionais mostras do mundo no ramo de alimentos.

Silva disse que a preferência é para empresas de alimentos industrializados e de bebidas, pois companhias de produtos in natura - frigoríficos principalmente – já tem forte participação na Gulfood, e por companhias de médio porte. Fornecedores de frutas também têm um bom potencial, segundo ele. “Optamos mais por produtos industrializados, para venda em supermercados, mais nessa linha, o que permite a participação de empresas de médio porte”, observou.

A Sial Oriente Médio está em sua oitava edição. Para o presidente da Câmara Árabe, Rubens Hannun, a presença do Brasil é importante. “Estamos olhando para o futuro. É um mercado importante e nós como grandes fornecedores do mundo árabe estaremos lá”, afirmou Hannun. “Estamos viabilizando a participação de nossos associados e abrindo oportunidades para estes associados”, destacou.

No ano passado, a feira contou com pavilhões de 30 países, 952 expositores e recebeu mais de 22 mil visitantes. Foram fechados negócios no valor de 3,8 bilhões de dirhans dos Emirados (mais de US$ 1 bilhão) durante a mostra, segundo os organizadores.

Os organizadores vão arcar com os custos do estande, as empresas participantes precisam bancar os gastos de seus profissionais (passagem, estadia, etc.) e do envio de amostras.

Investimentos

Silva acrescentou que empresários de Abu Dhabi que estiveram em Brasília esta semana para rodadas de negócios com companhias brasileiras informaram que o emirado pretende “assumir protagonismo na região” no fornecimento de produtos a países em dificuldade, como a Síria e o Iraque.

O diretor do Mapa ressaltou que integrantes da delegação de Abu Dhabi manifestaram interesse em investir em projetos no setor de agronegócio no Brasil e também em comprar terras no País. A venda de terras para estrangeiros está em discussão no Congresso Nacional e o grupo visitou o Senado para saber mais sobre o tema.

Paralelamente à Sial, Silva comentou que será realizada uma “rodada reversa” à que ocorreu em Brasília. Ou seja, empresas brasileiras poderão participar de mesa redonda e rodadas de investimentos em Abu Dhabi de 11 a 13 de dezembro. Seus portfólios de projetos serão apresentados para potenciais investidores. Para tanto, é preciso se cadastrar até 17 de novembro num sistema criado pela Apex, o Cadastro de Empresas do Agronegócio para Oportunidades de Parcerias e Investimentos.

Serviço

Sial Oriente Médio
De 12 a 14 de dezembro de 2017
Abu Dhabi National Exhibition Centre
Para inscrições clique aqui
A inscrição não garante a participação, pois será feita uma triagem

Mais informações
Departamento de Promoção Internacional do Agronegócio (DPI)
E-mail: dpi@agricultura.gov.br
Tel.: (61) 3218-2925
Site da feira: https://sialme.com/

Cadastro de Empresas do Agronegócio para Oportunidades de Parcerias e Investimentos (clique aqui)

Mais informações
Apex-Brasil
Investimentos
E-mail: agribusiness@apexbrasil.com.br
Tel.: (61) 3426-0202
Site: www.apexbrasil.com.br