Notícias

Superávit comercial ficou em US$ 1,5 bilhão na semana passada

18 de julho de 2016

Saldo foi resultado de exportações brasileiras de US$ 4,4 bilhões e importações de US$ 2,9 bilhões. Embarques cresceram, mas compras externas caíram.

São Paulo – A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 1,511 bilhão na semana passada, resultado de US$ 4,409 bilhões em exportações e de US$ 2,898 bilhões em importações, de acordo com dados divulgados nesta segunda-feira (18) pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC).

A média diária das vendas externas avançou 6,4% em relação à média registrada em julho até a semana anterior. Aumentaram os embarques de produtos manufaturados, com destaque para plataforma para produção de petróleo, veículos de carga, etanol, máquinas e aparelhos para terraplanagem, e motores para automóveis.

Caíram, no entanto, as vendas externas de itens básicos, principalmente soja em grãos, minério de ferro, petróleo bruto, farelo de soja, e carnes bovina e suína. Recuaram também as exportações de semimanufaturados, especialmente de ferro-ligas, couros e peles, catodos de cobre, madeira em estilhas (pedaços) e óleo de soja bruto.

A média diária das importações caiu 0,3% em comparação com a média de julho até a segunda semana. Houve recuo nas compras de equipamentos mecânicos, aparelhos eletroeletrônicos, químicos orgânicos e inorgânicos, automóveis e partes, plásticos, adubos e fertilizantes.

No acumulado do mês, as exportações somaram US$ 9,384 bilhões e as importações US$ 6,383 bilhões, o que resultou num saldo comercial positivo de US$ 2,999 bilhões. Pela média diária, as vendas externas avançaram 5,9% sobre julho do ano passado, e as compras recuaram 17,3% na mesma comparação.

No ano, os embarques chegaram a US$ 99,636 bilhões e as importações a US$ 72,986 bilhões. O saldo comercial acumulado está superavitário em US$ 26,651 bilhões.