Notícias

Uma celebração aos imigrantes em São Paulo

13 de maio de 2016

A 21ª Festa do Imigrante será realizada em 05, 11 e 12 de junho. Evento tem atrações de mais de 30 países, entre eles árabes.

São Paulo- A 21ª Festa do Imigrante será realizada em São Paulo nos dias 05, 11 e 12 de junho e terá atrações de mais de 30 países. Desses, os árabes serão representados pelo Egito, Marrocos, Síria, Líbano e Iraque. A edição deste ano do evento, que é organizado pelo Museu da Imigração, terá narração de contos de histórias típicas para as crianças, oficinas de artesanato e culinária, apresentações de dança e exposição de objetos artesanais.

A dança folclórica Sawalef, que representa o Marrocos, será encenada no domingo (05). No sábado seguinte (11), o Espaço Artístico Malaika irá apresentar danças dos países árabes. No domingo (12), a Companhia de Dança Alegria Cigana irá apresentar uma dança egípcia, segundo informações da organização do evento.

As gastronomias de Marrocos, Síria e Líbano serão abordadas em duas sessões da oficina de culinária: em um espaço chamado de “sabor paulista”, os frequentadores da festa irão acompanhar a elaboração do cuscuz marroquino no domingo (05).

No sábado (11), a Síria será a estrela da oficina de culinária com a apresentação da receita do falafel, bolinho feito com grão de bico e frito. Também no sábado um especialista em culinária do Líbano vai mostrar como se faz uma torrada de zatar, um condimento preparado com especiarias muito utilizado nas nações do Oriente Médio e do Norte da África. Às 14h30 de domingo (12), no workshop de dança, haverá aula de noções básicas de dança do ventre.

O Museu da Imigração funciona na antiga Hospedaria de Imigrantes, no bairro do Brás, em São Paulo. Ali chegaram, entre 1887 e 1978, 2,5 milhões de pessoas de mais de 70 nacionalidades que buscavam no País uma nova oportunidade de vida. Muitos deles, como os italianos, seguiam para lavouras de café no interior do estado. Além de servir como hospedaria, o local abrigava um ambulatório médico, correios e a Agência Oficial de Colonização e Trabalho. O último grupo de imigrantes a passar por ali foram os coreanos, em 1978.

Além das atrações de alguns países, a o evento vai apresentar a cultura, artesanato e a culinária em barracas temáticas da Alemanha, Armênia, Áustria, Bélgica, Bolívia, Bulgária, Camarões, Chile, República Democrática do Congo, Coreia do Sul, Croácia, Egito, Espanha, França, Grécia, Ilha da Madeira, Índia, Iraque, Itália, Japão, Líbano, Lituânia, México, Moçambique, Noruega, Peru, Polônia, Portugal, Rússia, Síria, Turquia e Vietnã.

Serviço

21ª Festa do Imigrante
Datas: 05, 11 e 12 de junho de 2016
Horário: 10 às 17 horas
Local: Rua Visconde de Parnaíba, número 1.316, Mooca, São Paulo-SP
Ingresso: R$ 6,00
Informações: +55 11 2692-1866 ou www.museudaimigracao.org.br